20 março 2015

Resenha – Horas Noturnas



Autor(a): Bianca Carvalho
Páginas: 200
Editora: EraEclipse

Sinopse: Horas Noturnas - Inglaterra, 1863
Uma bela e delicada mulher com inteligência aguçada para investigação...
Um charmoso caçador de assassinos tornando-se lenda por eliminá-los com requintes de crueldade...
Um assassino que deixa charadas, com sede de sangue e um gosto peculiar por Edgar Allan Poe...
Três almas unidas com diferentes propósitos.
Apenas uma chance de sobreviver...
Quando a noite cai, todas as almas possuem um gosto pela maldade... - Retirada do Skoob



O livro conta a história de uma garota que aos 15 anos perdeu sua mãe, em um assassinato que mesmo depois de muito tempo eles não conseguiram solucionar o caso e descobrir quem havia matado a mãe de Maryanne. Na época o pai de Maryanne trabalhava na polícia, mas vendo que os policiais não conseguiram e não tinham tantas maneira, digamos assim, de solucionar o caso, ele decidiu montar o próprio negócio.

Maryanne era uma garota curiosa e adorava ajudar seu pai com pistas, adorava esses casos que ele tinha que estar resolvendo e sempre ajudava seu pai a resolver os casos, ela nasceu quase com o dom de ser uma garota investigativa, onde a curiosidade dela leva ela fazer isso e descobrir muitas coisas. Ela também não era uma garota comum, com já deu para notar, não gostava muito de ir aos bailes que geralmente suas amigas sempre iam e também não era uma garota que queria casar sem ser com alguém que realmente amasse.

Certo dia seu pai foi chamado pela polícia para ver o corpo de uma garota que havia sido assassinada, ele analisou e encontrou um bilhete deixado pelo assassino, obviamente não entregou a polícia, levou para sua casa para tentar descobrir o que o assassino queria dizer com aquilo. Chegando em casa encontrou Maryanne toda curiosa para saber o motivo de ter sido chamado, quando soube logo decidiu que queria ajudar seu pai, ele como sempre quis proteger a garota pediu para que ela não se metesse no caso dessa vez, tiveram uma discussão e foi nesse mesmo dia que Maryanne notou que seu pai estava fazendo algo que não queria que Maryanne soubesse.

Mas não parou por ai, obviamente Maryanne sendo a garota que era, não desistiu tão facilmente de ajudar seu pai para resolver o caso e logo em seguida surgiu mais assassinatos, que envolve o mesmo assassino, ficando óbvio devido a forma que ele deixava as garotas. Esse assassino tinha algumas excentricidades como deixar mensagens com trechos de Edgar Allan Poe, que diga-se de passagem é um dos autores que eu também adoro, além do fato que mesmo as mulheres morrendo de um jeito, ele sempre deixava uma faca, digamos assim, cravada em seu peito.

“A perversidade é um dos impulsos mais primitivos do coração humano.”

No meio de todo esse mistério, de toda a vontade de resolver logo esse caso, Maryanne conheceu o Caçador. Caçador era um homem, que ninguém conhecia, com seu jeito misterioso e com uma máscara, a única coisa que sabiam sobre ele, era que ele matava assassinos, mas ninguém sabia definir se ele era um herói ou um vilão. E acredite ou não, mesmo o pai de Maryanne tentando fazer de tudo para que ela ficasse afastada do Caçador, ela acabou se apaixonando por ele.

Um livro onde você vai encontrar uma história de amor que chega fazer com que você suspire com tudo que acontece, mas que ao mesmo tempo te faz usar a imaginação e tentar desvendar o caso junto com Maryanne. Devo admitir que eu tentei e muitas vezes adivinhar quem era o assassino. A autora conseguiu fazer uma história que não fosse algo tão óbvia, juro para vocês que quando você chega no fim da história fica tipo... “Eu nunca iria imaginar que isso fosse acontecer.”, você se surpreende, você fica nervosa, você quer resolver as coisas que estão acontecendo na história, cada vez que acontece algo diferente você tenta pensar junto com os personagens. O livro consegue te prender do começo ao fim e enquanto você não saber o que está acontecendo você não vai conseguir parar de ler.

O livro está bem escrito e não possui um vocabulário complicado, não fazendo com que a leitura venha ser maçante. A capa é simplesmente linda, isso com certeza não há dúvidas. E com certeza assim como lemos antes de começar a história, o livro lembra e muito Sherlock Holmes, as aventuras que ele vivia, investigações e tudo mais... E Horas Noturnas é bem dentro desse estilo.

Recomendo a leitura do livro, para quem gosta de romances policias e até mesmo para quem nunca leu livros nesse estilo, porque você vai ficar preso na história assim como eu fiquei. Caso alguém queira ler, ele está disponível no site Wattpad e para quem não quiser ler em formato e-book, o livro já está em pré-venda na editora EraEclipse.



4 comentários:

  1. Olá, já tinha ouvido falar muito desse livro e desde o começo eu já me interessei. Adoro livros que te deixam com uma curiosidade a mais, te fazem adivinhar as coisas e no final ser completamente diferente. Vou procurar saber mais sobre esse livro e quem sabe até ler.
    Beijos, lendocomabianca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ain como eu quero saber quem é o assassino! hahah
    Adoro histórias assim, que nos prende do começo até o fim! Ainda mais quando se há um mistério... Quem sabe eu não leia o livro? *-*
    Beijos linda, ótima resenha <3
    http://peqenaruiva.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Geeeeeeente que loucuraa!! Quero muito ler, estou curiosa agora. Adorei ler essa resenha, bem na hora que estava pesquisando sobre. Beeeeeijos lindona!

    www.doceencontro.com

    ResponderExcluir
  4. Parece ser muito interessante o livro, gosto de livros de mistério que mexem com a imaginação!!! Se não fosse meu tempo limitado com certeza ia comprar para em algum momento devorar ele ... amo ler embora esteja meio longe dos livros ultimamente ....

    Bjos, My!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...