05 dezembro 2013

RESENHA - P.S. EU TE AMO

Autor(a): Cecelia Ahern
Número de Páginas: 368
Editora: Novo Conceito



Sinopse

Gerry e Holly eram namorados de infância e ficariam juntos para sempre, até que o inimaginável acontece e Gerry morre, deixando-a devastada. Conforme seu aniversário de 30 anos se aproxima, Holly descobre um pacote de cartas nas quais Gerry, gentilmente, a guia em sua nova vida sem ele. Com ajuda de seus amigos e de sua família barulhenta e carinhosa, Holly consegue rir, chorar, cantar, dançar e ser mais corajosa do que nunca. 





"Mire na lua e, se errar, você ainda estará entre as estrelas. Prometa-me que vai procurar um emprego de que gosta desta vez!
PS, eu te amo..."

O livro conta a história de Holly e como ela passa durante um ano, depois de ter perdido Gerry, seu marido, para uma grave doença. No começo do livro mostra o amor e carinho que os dois tinham um pelo outro, que mesmo nas horas das brigas e momentos de ficarem irritados um com o outro, aquilo pelo que percebi não era de durar muito tempo, mostra também que eles se dão bem com os amigos deles e que há um carinho enorme entre estes e que realmente há amizade nesses que são mais próximos de Holly e Gerry.

Com o desenrolar da história, tem uma hora em que conta que Gerry e Holly meio que fizeram tipo uma promessa que quando um fosse deixar o outro ou se estivesse eles teriam que deixar uma lista, como se servisse para guiar a pessoa, a história da lista se espalhou entre os amigos e aquilo era sempre motivo para brincadeiras quando saiam e acontecia algo que não era muito legal.

Então eles acabam descobrindo que Gerry está doente, e depois de alguns capítulos Gerry morre deixando Holly sozinha, é ai que realmente começa a história, digamos assim... Holly acaba ficando mal por um bom tempo, o que na verdade é bem compreensível, até que certo dia ela recebe um pacote e neste pacote está às cartas/lista de Gerry e a partir daquele momento ela passou a “viver” para a lista.

O livro foi bem escrito, sem dúvidas... A história mostra a tristeza de Holly e seus amigos tentando ajuda-la a se sentir melhor. Há momentos enquanto eu li que eu pensava “Holly já está passando dos limites com isso.”, mas depois eu parava para pensar “E se eu estivesse no lugar dela??” sinceramente eu acho que seria pior e muito complicado, perder assim uma pessoa que se ama e tentar se apegar apenas as lembranças, sabendo que você não vai poder mais vê-la, mas sim ter que se contentar apenas com fotos, ou seja, recordações para poder ver a pessoa novamente, deve ser horrível.

Tem uma parte do livro em que Holly se vê em “apuros”, assim, precisando de ajuda ela resolve ligar para alguém só que não pode estar pedindo ajuda para nenhuma de suas amigas mais próximas e os outros amigos que antes conviviam com eles (quando Gerry ainda era vivo) depois da morte dele não foram mais visita-la, então ela não poderia ligar para nenhum deles também, ela acaba ligando para o número de Gerry, meudeus vocês não tem noção... Assim que ela ouve a mensagem com a voz dele, a autora acaba descrevendo a cena de como isso aconteceu tão perfeita que você acaba sentindo como se estivesse no lugar de Holly e ela acaba dizendo para “Gerry” que precisa da ajuda dele.

"[...] Digitou o primeiro número que lhe veio à cabeça.
— ”Oi, aqui é Gerry, deixe uma mensagem após o sinal e ligo para você assim que puder.”
- Gerry - disse Holly chorando -, preciso de você..."

Sério, tem como não chorar?? Se tiver me conte... Porque eu chorei quando li isso e senti meu coração apertar. Eu com certeza recomendo o livro, que para quem ainda não leu, mas viu o filme eu devo te dizer que esse foi o mais diferente que eu já vi. Para quem já leu, sabe exatamente o que eu estou falando.

Você não vai se arrepender.



P.S.: trechos retirados do livro e Sinopse também.




5 comentários:

  1. Quero muito ler, muito perfeito <3
    http://sintomuitoanjo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu quero muito ler esse livro, ele ta na minha wishlist mas ainda não achei na cidade onde eu moro. Amei sua resenha! Beijos..
    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu adorei esse livro também, a história me emocionou bastante.
    O filme é bem diferente mesmo, mas me emocionei com ele também, apesar das diferenças.
    Ótima resenha!
    Beijos!
    Monomaníacas por Livros

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana!

    Eu ainda não li o livro mas, o filme eu já assisti e chorei horrores!
    Já queria muito ler, agora com essa recomendação quero mais ainda!

    Bjos

    http://entrereaiseutopias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Estou muito ansiosa para ler, este livro já está na minha wishlist!

    www.blogsorrisodegarota.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...